Hábitos franceses que deveriam ser seguidos

by Patricia Alves

O que é bom deve ser compartilhado e é por isso que vamos listar aqui alguns hábitos franceses que deveriam ser seguidos no mundo todo.

Hábitos franceses que deveriam ser seguidos

A cultura francesa tem algumas particuliaridades que podem ser interpretadas como chatices por algumas pessoas, mas que no cotidiano são bem úteis e nos fazem ganhar bastante tempo. Vamos conferir alguns hábitos franceses saudáveis?

hábitos franceses

Só confirmar presença se realmente for comparecer

Os franceses são super corretos e não confirmam um compromisso se não puderem ir e não confirmam apenas por confirmar. Se você convidar um francês para uma soirée (uma noite), ele vai colocar na agenda dia e horário e não aceitará outra no mesmo dia.

Acho isso uma grande qualidade, pois nós brasileiros às vezes confirmamos algo e nem ao menos pensamos em colocar na nossa agenda para que não coincida com outro evento ou acabamos deixando de ir a um aniversário apenas por falta de organização. Isso é muito chato para quem organiza e conta com a nossa presença.


Quer aprender francês online de forma fácil e interativa? Conheça os cursos da Babbel, um dos cursos mais confiáveis do mercado.


Não incomodar e não ser incomodado

Os franceses não gostam de incomodar. Não colocam música alta em horários inapropriados, não andam de salto alto em casa para não incomodar o vizinho de baixo do apartamento e quando estão sentados na cadeira ao lado da porta do metrô sempre levantam quando tem muita gente, entre outras coisas. Enfim, não dá para generalizar e dizer que todos os franceses agem desta forma, mas é o mais comum.

Da mesma forma que eles não incomodam também não querem ser incomodados, então se você fizer algo do tipo, com certeza receberá uma carta embaixo da porta, ou  até mesmo uma batida na sua porta para uma pequena reclamação. E se o metrô estiver cheio alguém vai pedir para você levantar, isso é fato!

Não precisar gritar para conseguir se expressar em uma conversa

Os franceses são muito educados e gentis. Em soirées e jantares, eles conseguem manter uma conversa durante horas entre grupos e normalmente ninguém precisa gritar para se fazer entender. Falar baixo é uma característica dos franceses que acham que falar alto é sinônimo de falta de educação e de respeito. Eles falam alto em algum momento? Sim, quando estão brigando.


Precisando de ajuda para melhorar o seu francês?


Programar as coisas com antecedência

A maioria dos franceses programam a vida inteira no começo do ano, sejam as próxima férias, aniversários ou feriados. Deixam tudo bem organizado e assim não correm o risco de ficarem loucos correndo contra o tempo para  fazer o que querem.

O momento das férias de verão é bastante esperado depois de um longo inverno e as opções de lazer logo vão se enchendo. Os preços em alta temporada são bem caros, então é comum os franceses planejarem tudo com antecedência para conseguirem os melhores lugares com os melhores preços.

O mesmo acontece também com festas ou outras comemorações. É bem raro receber um convite de última hora e não é bem visto. Dá a impressão de que você só está convidando a pessoa para “tapar buraco” de alguém que desistiu de ir.

Brigar mais pelos seus direitos

Os franceses fazem muitas manifestações, não importa o que seja: casamento gay, salário, corrupção, e tudo mais. Eles não aceitam tudo calados, se unem e vão para a rua exigir seus direitos. Acho que são um bom exemplo para os brasileiros.

A maioria das manifestações são pacíficas mas é claro que sempre tem os baderneiros que acabam destruindo coisas e tocando o caos.

Ceder o lugar reservado para idosos e deficientes sem reclamar ou fingir que está dormindo

Eles não pensam duas vezes e não fingem que estão dormindo, ao verem um idoso ou um deficiente, prontamente levantam e cedem o lugar, mesmo que não estejam em cadeiras reservadas. Claro que isso não é regra, mas acontece com muito mais frequência do que no Brasil, por exemplo. Até mesmo se alguém que não for prioritário estiver sentado nos assentos reservados e não levantar, alguém vai gentilmente pedir para que a pessoa ceda o lugar para quem precisa.


Você também pode se interessar...

Deixe um Comentário 🙂