Clichês brasileiros: O que os franceses pensam

by Suellen Kyl

As impressões que os brasileiros passam sobre os clichês brasileiros para cada nacionalidade depende da cultura de cada país. Em certos países, alguns costumes brasileiros são chocantes e em outros são considerados apenas estranhos ou diferentes.

Os franceses tem uma visão bem sólida sobre o Brasil e os brasileiros. Eles sabem identificar sem problemas o Brasil no mapa mundi (quando morei nos Estados Unidos, alguém me perguntou se o Brasil ficava perto da China) e conhecem mais do que os simples clichês como futebol e carnaval. Confira também os hábitos brasileiros que os franceses acham estranhos.

clichês brasileiros

O que os franceses pensam sobre os clichês brasileiros

Futebol

Os franceses são fascinados pelo futebol brasileiro e estão desapontados tanto quanto nós mesmos com os recentes resultados da equipe. Conversando com um francês, ele me contou o quanto ele era deslumbrado pelo futebol brasileiro na época da Copa de 98 e que nunca entendeu aquele famoso 3×0 que até hoje é o orgulho dos franceses.

Apesar do desapontamento, eles acreditam que o Brasil ainda vai voltar ao patamar dos bons tempos e fazer muito mais franceses se apaixonarem pelo nosso futebol. E eles gostam de futebol tanto quanto nós. Na época do campeonato francês, a TV está sempre ligada no jogo da equipe favorita e eles gostam de discutir durante e após o jogo.


Quer aprender francês online de forma fácil e interativa? Conheça os cursos da Babbel, um dos cursos mais confiáveis do mercado.


Carnaval

Os franceses não olham com olhos de desprezo e falta de vergonha o carnaval brasileiro. Eles acham bonito e contagiante o ritmo dos enredos e todas aquelas cores e plumas (e mulheres bonitas). E são bastante curiosos para ver ao vivo toda a folia das escolas de samba e sentir o calor e a alegria que eles veem nos noticiários e nos jornais.

Língua

Ao contrário da maioria dos estrangeiros, os franceses não acham que falamos espanhol. Mas também não acham que falamos português. Segundo eles, nós falamos “brésilien”(brasileiro). Logo que comecei a ouvir eles dizendo que falamos brésilien, me soava muito estranho. Aos poucos, comecei a ouvir com carinho, pois enquanto já ouvi muitas vezes estrangeiros achando que português e espanhol eram a mesma coisa, os franceses tem claramente uma ideia que o português falado em Portugal é bem diferente no Português falado no Brasil (no quesito pronúncia).

Amazônia

Os franceses sabem o tamanho e a importância da floresta amazônica, mas eles sabem que o Brasil não é coberto pela floresta por todo lado. Eles tem bastante noção da extensão do nosso território e sabem que não temos jacaré no quintal de casa. Eles tem bastante curiosidade em conhecer a Amazônia.

Rio de Janeiro e São Paulo

Muitos estrangeiros acham que o Brasil se resume a Rio e São Paulo. Os franceses sempre perguntam de que lugar do Brasil você vem, e mesmo que não saibam onde fica, gostam de saber perto de que ou em que direção fica. Apesar de serem fascinados pelo Rio, muitos deles também pensam que um país tão grande, deve ter muito mais coisa para conhecer. Mas claro que “Riô” e “Sao Polo” (au em francês tem som de o, de onde vem o erro ortográfico que eu já vi até em outdoors) continuam sendo os pontos de referência. Conhea também os hábitos franceses que deveriam ser seguidos.


Você também pode se interessar...

7 comentários

Coisas acontecem comigo por Hudson Cardoso 27 agosto 2015 - 23:21

Quanto mais eu leio sobre os franceses, mais eu os admiro. Que povo educado! Espero que um dia nós sejamos assim também.

Reply
carla 12 janeiro 2016 - 22:30

Concordo eles curtem tudo de nosso Brasil sem discriminação.

Reply
Vania 6 dezembro 2015 - 20:18

Como moro em São Paulo, vejo certos costumes do Brasil pela tv, até entendo que uma pessoa de outro pais pense que certos costumes são comuns para todos os brasileiros, eu e muitas pessoas que conheço achamos o carnaval do rio uma coisa chata e repetitiva, nem todos que estão ali gostam , estão para aparecer na mídia, o do nordeste acho uma palhaçada, aquele povo suado pagando caro para enriquecer artistas sem valor nenhum, que só aparecem nessa época, o carnaval de São Paulo e outros estados não tem graça,acho que tudo que se ve do Brasil la fora é um ppuco de desinformação, essa semana minha filha disse que ia com a familia para Ilheus….pensei que mau gosto, qdo ela mandou as fotos disse que estava num “paraiso” mesmo ela conhecendo varios paises, inclusive Paris que adora,ai vi que sou desinformada , vejo o que os outros veem na midia.Desculpem por me estender muito!

Reply
Suellen Kyl 13 dezembro 2015 - 13:31

Ola Vania,
Realmente é muito relativo. Depende muito da experiência pessoal de cada um e sua forma de encarar o mundo.
Obrigada pelo comentário e volte sempre 🙂

Reply
Marina 24 fevereiro 2019 - 16:59

Eu já morei em Ilhéus, é muuuuito lindo, sinto muita saudade.

Reply
Ronaldo Soares 6 dezembro 2015 - 23:16

Claro que os franceses reconhecem o Brasil no mapa-múndi. Trata-se de uma nação de cultura, com forte legado de conhecimento para o mundo. É a França, culta, grande; não se trata dos Estados Unidos, cujo povo coloca o Brasil como o país dos ‘sombreros’, ao lado da China e com capital em Buenos Aires . . .

Reply
Ronaldo Soares 6 dezembro 2015 - 23:28

Claro que os franceses sabem indicar o Brasil no mapa! É uma nação culta, com grande legado do conhecimento para o mundo. Trata-se da França –culta–, e não dos EUA –cujo povo pensa que o Brasil é o país dos “sombreros”, ao lado da China e com capital em Buenos Aires . . .

Reply

Deixe um Comentário 🙂