Saiba quem tem direito ao titre de séjour temporaire "vie privée et familiale" na França

vie privée et familiale

 

Esposa/ Esposo de um cidadão francês

Se você é casado com um francês ou francesa, terá direito a carte de séjour vie privée et familiale válida por um ano e renovável todo ano. Caso você case no Brasil, deverá solicitar o visto lá e assim entrará na França de forma régulière. Mas caso esteja na França e possua um visto, seja de estudante, visitante ou outro tipo, você poderá casar no país e fazer o pedido de titre de séjour. Porém existem alguns critérios, como:

  • Seu esposo(a) deve ter a nacionalidade francesa;
  • Você não deve estar em poligamia;
  • Você tem que provar que tem uma vida em comum com seu esposo(a) depois de no mínimo 6 meses comprovados por: conta bancária, faturas de telefone fixo, conta de energia, extratos bancários e toda correspondência que vocês possuírem;
  • O casal deve ter uma vida em comum sem interrupção.

Veja também: Vistos de curta duração e de trânsito na área Schengen

Se você tem um pacs com um francês/ francesa

É preciso provar que moram juntos há mais de um ano, apresentando todos os documentos citados acima.

Vie privée et familiale: Outras possibilidades

  • Pais de uma criança francesa;
  • Se você for pai ou mãe de uma criança que viva na França e pode provar que contribui para educação e bem estar da criança depois de 2 anos;
  • Estrangeiro que entrou na França antes de completar 13 anos e vive com seu pai ou mãe de nacionalidade francesa;
  • Se você tem 16 anos ou menos e vive na França depois de no mínimo 8 anos e estudou 5 anos de forma regular no país;
  • Se você for esposo(a) de um estrangeiro que viva de forma regular na França, pode obter o visto por meio de reagrupamento familiar ou se o cidadão estrangeiro esteja dentro desses critérios: Seja salarié en mission, tenha carta europeia ou seja um pesquisador científico;
  • Você também pode obter caso seja casada(o) com um estrangeiro(a) que tenha um visto de longa duração de outro país da união europeia e que possua um visto na França. Pode ser para esposa(o) ou para os filhos.

Confira o site francês e veja todas as possibilidades.

10 comments

  1. Juliana 4 janeiro, 2017 at 09:44 Responder

    Ola! Gostaria de uma ajuda sua, eu e meu noivo estamos morando na suíça a 7 meses, nosso plano era vir e nos casar mas como o permisso dele atrasou acabou passando os 3 meses e assim eu me tornei uma ilegal. Meu noivo e francês de origem brasileira e eu sou brasileira, hoje estou grávida e queremos saber se mesmo estando ilegal se consigo me casar ?? Ou na franca ou na suíça o que for menos complicado… você sabe me informar ?

    • Patricia Alves 5 janeiro, 2017 at 14:08 Responder

      Oi Juliana, tudo bem?

      Você consegue se casar na França, o fato de você estar ilegal não te impede de casar, ainda mais que seu noivo é francês. Quanto a Suíça, não sei te responder. Boa sorte!!!

  2. Lays 24 janeiro, 2017 at 12:54 Responder

    Olá! Eu e meu marido estamos morando na França, eu tenho nacionalidade italiana. Você saberia me dizer quais os documentos necessários pra conseguir o titre de sejour para ele? Grata.

    • Patricia Alves 28 janeiro, 2017 at 10:48 Responder

      Oi Lays,Como vc não é francesa, é melhor ligar para prefeitura e se informar.
      Talvez a prefeitura exija documentos específicos.
      Boa sorte!

    • Renan 30 abril, 2017 at 19:06 Responder

      Bom dia Lays, tudo bem?
      Você conseguiu resposta para a sua dúvida? – estou na mesma situação, minha esposa tem cidadania italiana e resolvemos vir morar na França.
      Muito obrigado! Renan

  3. Carolina 19 fevereiro, 2017 at 02:50 Responder

    Olá! Namoro um francês há quase dois anos e em Abril me mudo definitivamente para a França. Queremos oficializar a relação, mas estamos mais propensos a fazer um PACS do que nos casar. Gostaria de obter esse titre de sejour de qual o post fala, porém como nunca vivemos oficialmente juntos e a convivência foi em períodos espaçados (devido a milhares de fatores que existem em um relacionamento a distancia), não possuimos nenhum dos documentos citados acima para comprovar o tempo que estamos juntos. Não é possíveis utilizar outros meios para comprova-lo? Como passagens aéreas compradas juntas, fotos datadas, testemunho por escrito de outras pessoas, ect? Caso não, que outra opção de visto eu teria para permanecer no país sem ficar ilegal, após a conclusão do PACS?
    Obrigada!

    • Patricia Alves 23 fevereiro, 2017 at 11:39 Responder

      Ola Carolina, tudo bem?

      Para solicitar o visto vie privée na França com o pacs é necessário provar vida em comum de pelo menos 1 ano. Se for apos o casamento esse prazo cai para 6 meses. Não vejo como você pode obter esse tipo de visto no momento, mas existe outro visto que te permite viver legalmente na França durante 1 ano e após esse prazo você pode solicitar o visto vie privée. Esse visto se chama visiteur, você solícita aí no Brasil, consulte o site do consulado responsável pelo seu estado e confira a lista de documentos.

      Com esse visto você não pode trabalhar na França, mas poderá viver legalmente e depois você faz a mudança pro visto vie privée et familiale.

      Outra opção é o visto de estudante de idioma, você também faz o pedido no Brasil, não possível solicitar estando em solo francês.

      Espero ter te ajudado e não hesite a nos contactar novamente.

      Abraço.

  4. Claudina 23 março, 2017 at 13:15 Responder

    Olá,sou a Claudina, sou portuguesa,casei em Portugal e o meu marido já conseguiu ter a união europeia na SEF de 5anos,só que estamos a pensar em viver na França, a minha pergunta era,como é que o meu marido consegue pedir a carte sejour familier e os docuy necessários, obrigada

    • Patricia Alves 16 abril, 2017 at 21:13 Responder

      Olá Claudia,
      Seu marido deve ligar para prefeitura do departamento de onde vocês moram. Eles vão informar a lista de documentos para a solicitação do visto.

      Um abraço.

  5. Ester 3 maio, 2017 at 06:22 Responder

    Olá, Patrícia!
    Gostaria de esclarecer umas dúvidas. Meu namorado é francês e estamos com planos de nos casar e viver na França. Estamos programando minha ida para meados de julho (ou agosto, já estou achando julho muito apertado). Enfim… A ideia é que eu solicite visto “visiteur” para 6 meses. Sou funcionária pública e tenho um período de férias para tirar+licença prêmio (3 meses) pelo quinquênio que completei este ano. Então, receberei meu salário normalmente durante estes meses. Já dei uma olhada no site do consulado francês a respeito dos documentos/comprovantes exigidos. Meu salário não corresponde a um salário mínimo francês (que vi em algum lugar que devo comprovar que disponho desta renda durante o tempo da minha permanência lá). O meu namorado me fará a carta-convite e está disposto a fazer qualquer tipo de declaração que ele se responsabilizará por mim financeiramente. A minha pergunta é: mesmo que eu tenha uma carta-convite de alguém de lá, eu preciso comprovar que disponho dessa renda aqui?

Leave a reply

%d blogueiros gostam disto: